BEM-VINDO AO MEU BLOG!

Aqui no meu blog você vai achar dicas de Computer Music, especialmente de Pro Tools, Reason, Live, áudio profissional e Homestudio. Alguns trabalhos artísticos que eu fiz também têm seu espaço. Há muita informação legal nos comentários. Use a caixa de pesquisa logo abaixo para achar um assunto que você está procurando.

Boa navegação!

Review Universal Audio Apollo Twin

16 comentários:

  1. Parabéns Daniel, e isso tudo pode ser feito nas outras series da Apollo tbem? Posso gravar por exemplo uma bateria usando emulação de preamp direto para o pro tools? Pelo que entendi devo colocar os plugins no insert da Apollo e mandar gravar no pro tools correto?
    Outra coisa, o pessoal agora entrou na moda do Summing nas mesas analogicas, com a tecnologia unison consegue-se uma mixagem "analógica" usando plugins da Apollo?
    Muito legal e bem que vc podia fazer mais reviews como esse de outros produtos neh!! Gostei muito estou ancioso para que chegue a minha... Obrigado!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Renato, a Apollo é bem flexível, você pode insertar os plug-ins no console e gravar no Pro Tools ou insertar os plug-ins no próprio Pro Tools e gravar com eles, tanto faz. Summing mixers realmente estão na moda, mas são bem caras, portanto somar com a Apollo é uma opção viável e de excelente som. Logo mais tem mais reviews. Abs.

      Excluir
  2. Daniel se eu migrar para o PT 11 para rodar a Apollo no Mavericks vou perder meus plugins RTAS e VST do PT 10? O que devo fazer ? Fico no 10 ? Como atualizo sem ter problemas? Obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Renato, tudo compatível com o Mavericks, mas o Pro Tools 11 não vai mais ler RTAS. Todos os seus plug-ins vão ter que migrar para AAX de 64Bits, verifique direitinho para não ter dor de cabeça. Abs.

      Excluir
  3. Caro Daniel tudo bem? Mais uma vez vou pedir sua ajuda pois ando tendo problemas de compatibilidade da Apollo com o M-Audio Octane via ADAT, quando estou gravando fica dando alguns estalos esporádicos e eles sao gravados nas tracks, mandei email para o suporte UA e eles mandaram ligar o Adat via cabo BNC e usar a conversão da Apollo , mas piorou parecia ao final do dia uma "panela de pipocas"... Por esta dando esse problema? O que devo fazer para solucionar? Sera que o ADAT do Octane esta desatualizado em relação a Apollo?Troco o Adat? Fico torcendo para que vc tenha ouvido falar de um problema semelhante e assim me ajudar... Muito obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Renato, isso é um problema clássico de falta de sincronismo de clock e o pessoal da Universal Audio de orientou corretamente, para ter certeza que você está fazendo corretamente indico aqui como se deve fazer:

      Ligue um cabo BNC do conector Wordclock Out da Apollo no conector Wordclock In do Octane.
      Ligue um cabo BNC do conector Wordclock In da Apollo no conector Wordclock Out do Octane. (não precisa na verdade, mas vamos fazer outros testes de ligação depois).
      Desaperte o botão de terminação de 75Ohms na Apollo (posição Out).
      No painel do Octane coloque o seletor de Wordclock em Ext. (external). No painel de controle da Apollo coloque o sincronismo em Internal. É para funcionar.

      Se não funcionar, toque os cabos BNC.

      Se não funcionar mesmo assim, faça o contrário:
      Mantenha os cabos como disse acima, Coloque a chave de Worclock no Octane na posição do Sample Rate que você vai usar em sua sessão, por exemplo 44.1kHz.
      No painel de controle da Apollo escolha o sincronismo de clock via BNC. Aperte o botão de terminação em 75Ohms no painel traseiro da Apollo. Desse modo a Apollo se sincroniza ao Octane, mas não recomendo, melhor deixar a Apollo como master. Abs.

      Excluir
  4. Olá Daniel, como faço para organizar os meus plug-ins UA comprados dentro do Pro tools 11. Isto é, tem um monte demo que acompanha a Apollo e isso acaba me confundindo. No console consigo organizar, mas no pro tools 11 não :/ ... Desde já muito obrigado e parabéns pelos trabalhos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Donato, seguinte: Vá no menu Setup > Preferences e selecione a guia Display. Lá na caixa Organize Plug-in Menu By escolha a opção que melhor lhe atende: Category (categoria, Flat List (todos em ordem alfabética), Manufacturer (fabricante) ou Category and Manufacturer (categoria e fabricante). Abs.

      Excluir
  5. Olá Daniel, me tire uma dúvida por favor! Tenho uma Motu 828 com Adat In e Out, e vejo que a Apollo só tem um conector In Optico. Minha dúvida é, será que consigo ligar a Motu na Apollo via cabo Óptico?
    Desde já agradeço...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Emerson, sim, você consegue, mas apenas será possível utilizar a conversão AD da MOTU para a Apollo e você perderá as saídas delas. Tudo isso vai depender se a MOTU funcionará em modo Standalone, que acredito que sim. Se você estiver no sistema MAC OS X você pode fazer um Aggreggate device das duas e usar plenamente as entradas e saídas de ambas sem necessidade de usar um cabo ADAT entre elas, bastando estarem conectadas ao computador ao mesmo tempo. Abs.

      Excluir
    2. Obrigado cara, e parabéns pelo trabalho. O review tá excelente!!!

      Excluir
    3. Eu que agradeço! Abs.

      Excluir
  6. Daniel,

    Comprei uma apollo twin da Quanta, baixei o software na UA conectei a interface e o sistema acusa que não há interface ligada.... o cabo não é da apple e tem 2 metros... será que é esse o problema ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, olhe dentro da Apollo pela gradinha e veja se há algum LED piscando, se sim ela está com o firware corrompido. Se ficarem acesos direto significa que está operando normalmente, mas o problema deve ser o cabo ou a porta thunderbolt do seu mac. No primeiro caso procure a assistência técnica da Quanta. Abs.

      Excluir
  7. Daniel,

    Preciso de ajuda, a latência está me deixando louco! Estou usando uma Apollo Twin Duo (Thunderbolt) + Pro Tools HD 10.3.10. Quando crio uma sessão nova, ele costuma gravar bem, sem problema, se importo uma sessão de versões mais antigas do Protools, a latência aparece (as vezes a latência aparece em sessões "novas" tbm). Andei pesquisando e além de tentar usar taxas de Buffer baixas, tentei usar o "Low Latency Monitoring", monitorando através do "Console" da Universal Audio. Nada parece funcionar. Tem alguma dica de configuração pra me ajudar?
    Obrigado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, reimporte os arquivos convertendo-os para 96kHz ou até 192kHz que a latência diminui, mas o espaço em disco diminui tb, haha...

      Excluir